Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Escuta o Teu Corpo

Acompanhem a minha batalha para perder (mais) 30kg de uma forma saudável.



Quarta-feira, 30.05.12

1º Passatempo da Série

O blog A minha vida dava uma série deciciu dar um miminho a todos os seus seguidores.

 

O prémio são dois fantásticos livros que ensinam a ganharmos uma nova forma ou a manter a nossa forma física.

 

E nada melhor que juntar outros blogs, que ajudam nesta temática, este, o Escuta o Teu Corpo, por razões óbvias e o Eu ♥ Cozinhar.

 

Para poder participar no passatempo têm que clicar AQUI 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por RM às 11:55

Terça-feira, 29.05.12

Sabias que ...

... podes acompanhar a minha luta numa perspectiva diferente na página do facebook? Lá podes ver alguns dos meus pratos, lanches, pequeno-almoços e outras dicas! Não percas nada e faz Gosto já Escuta o Teu Corpo no Facebook 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por RM às 09:31

Segunda-feira, 28.05.12

Sou mais do que um número [na balança] ...



autor desconhecido


Hoje tenho uma, ou várias lições, para transmitir a todos os que me seguem.

Como sabem é segunda-feira, para mim é dia de pesagem e na passada segunda-feira, tinha aceite um Desafio em que eu e uma amiga nos propúnhamos a perder peso numa semana. E hoje vamos conhecer os valores, acima de tudo sou fiel a mim mesmo e irão verificar na minha pesagem.


             Inicial                Actual            Perda       
EU 118,500 118,400 - 100gr
PM      63,700 62,200  - 1,500kg


Parabéns PM :) mais um pouco próximo do teu objectivo!

E neste momento estão a pensar, como é que eu, com tanto peso para perder ainda, perdi apenas 100 gramas?

E eu vou dar possíveis causas para isto, porque conheço ligeiramente o meu corpo:


1) - O meu corpo reage de uma forma "estranha", mas normal para ele, quando tenho problemas que me perturbam e me fazem ficar ansioso e efectivamente, neste momento, passo por uma fase dessas em que não estou com a mente 100% livre de distracções que me fazem ficar alterado e isto afecta também o meu sistema intestinal e por mais coisas que tente para desbloquear o intestino, nada parece funcionar.

2) - Embora tenha moderado um pouco o exercício esta semana, o facto de o treinar regularmente, há a perda de gordura e aumento da massa magra (músculo) que pesa mais do que a massa gorda, pelo que a perda de um é "descompensado" pelo outro, o que não é mau de todo, dado que aumentar o músculo irá potenciar futuramente queimar em maior número as calorias ingeridas.

3) - Como algumas pessoas sabem, estou sem trabalho e até bem pouco tempo, estava habituado a deitar-me depois das 4h da madrugada e a levantar-me depois das 12h, e tenho tentado a todo o custo começar a deitar-me mais cedo e o cansaço da actividade física, tem potenciado deitar-me mais cedo e acordar mais cedo, aproveitando melhor o meu dia. Mas este também é um facto que pode influenciar a perda (ou não perda, neste caso), porque isto é um processo de mudança e acima de tudo de equilíbrio e estes processos desencadeiam no nosso organismo determinados sinais, que temos que estar abertos a ouvi-los, interpretá-los e agarrá-los para poderem jogar a nosso favor, ou seja se o meu corpo reage desta forma, eu vou ouvi-lo e vou usar isto para poder ter uma semana melhor.


Quem está nesta luta e tem pesagens em que não perderam nada, encarem isto de forma positiva, não aumentaram de peso e eu estou feliz por não ter aumentado de peso, NÓS SOMOS MAIS DO QUE UM NÚMERO NA BALANÇA, e não é apenas o peso que conta, eu quero emagrecer não quero perder apenas peso.


Um pequeno "à parte" e para mostrar que as coisas continuam a acontecer, fora do "mundo da balança" existem outras medidas que devem ser capazes de nos fazer ficarem felizes e esta semana perdi a nível abdominal e peitoral 2 cms e isto faz-me sentir bem!


Peço desculpa pelo post um pouco maçador, mas temos que entender que estes factos não nos podem afectar, tudo depende da forma como olhamos para o assunto!


Boa semana a todos

RM

Autoria e outros dados (tags, etc)

por RM às 11:14

Sexta-feira, 25.05.12

Avaliação da semana

 

A minha semana não terminou ainda, a minha semana termina segunda-feira de manhã e logo de seguida estou a começar outra semana!

Ainda assim preciso de falar esta semana não tem sido nada fácil, os treinos têm sido um sacrifício e não tenho treinado como quero, ou na medida que eu queria. Sinto-me cansado, o que é normal, ainda assim queremos exigir sempre mais do nosso corpo e é preciso ouvi-lo ... quarta-feira não treinei, era o meio da semana e não conseguia mesmo. Mantive a alimentação que eu considero equilibrada, mas desconfio que o stress que passei esta semana não me vai ajudar na pesagem!

 

Veremos como corre ;)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

por RM às 10:32

Quinta-feira, 24.05.12

Dietas Milagrosas

 

Não existem dietas milagrosas, pelo menos a longo prazo, ou pelo menos eu não acredito nisto.

Ao longo de vários anos, tentei todas as dietas possíveis e imaginárias. Algumas delas prometiam-me uma perda de peso extraordinária e realmente iria fazer-me feliz e com pouco trabalho. Pois acho que o grande problema está aqui, quem quer perder peso, quer perder peso de forma fácil, pois convencionou-se que comer de uma forma melhor e fazer exercício, "dá muito trabalho", "custa muito", "é difícil" e poderia continuar a dar frases chave como esta, são duras demais.

 

Nem sei como transmitir isto, mas sempre que eu tentei uma dieta "milagrosa" aumentei o peso além do número do que eu tinha perdido!

 

Se queremos realmente mudar, temos que adoptar uma atitude diferente! Interiorizar que a mudança é para a vida e para que isso seja real, não podemos pensar somente no agora, eu tenho uma vida de excessos e má alimentação, são 20 anos de uma vida mal aproveitada (no sentido em que perdi uma vida saudável) e eu não posso querer que esses 20 anos sejam como que eliminados em 4 meses, porque isso não é possível. Aproveitem a oportunidade que a vida vos deu para mudarem e serem mais saudáveis e transformem o que à priori seria algo doloroso ou até penoso em algo que vos comece a dar prazer, gosto em fazê-lo e garanto que este prazer aparece, a partir do momento em que começam a ver os números na balança a baixar...

 

Façam o favor de serem felizes!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por RM às 12:17

Terça-feira, 22.05.12

Mais perto do objectivo

autor desconhecido

 

 

Cada dia de treino é um dia mais próximo do meu objectivo. É assim que encaro cada um dos meus dias.

Nem sempre é fácil, por vezes a vontade de ir fazer um treino, por mais pequeno que seja falta, mas a força para treinar é maior ainda.

E só tenho boas razões para o fazer! Julgo que à minha semelhança muitas das pessoas que ficam em casa, acabam por ficar mais tentadas a estar a comer qualquer coisa, fora de horas. Pelo contrário, em hora de treino, não há essa necessidade, logo por este motivo já vale a pena.

Defini os meus objectivos desde cedo, e por serem altos (embora reais) opto por treinar o máximo possível e para já, tenho que ter o mínimo de 5 treinos semanais. É com o que me comprometo a fazer por mim.

Afinal de contas, no fim de um treino, mesmo após um dia cheio de tarefas e quando a vontade parecia nem ser muita, verifico que passou rápido, sinto-me bem comigo próprio porque não falhei com o estipulado e feliz, porque sinto que estou um treino mais próximo de conseguir atingir o que eu quero para mim.

 

Cada dia de treino é um dia mais próximo do meu objectivo. É assim que encaro cada um dos meus dias.

 

E vocês?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por RM às 09:00

Segunda-feira, 21.05.12

Desafio aceite...

autor desconhecido 

 

Quem me conhece, sabe bem que eu gosto de desafios. Nesta luta, eu desafio todos os meus dias, de forma a superar-me a cada dia que passo.

 

Desta vez, uma amiga que quer perder alguns quilos para se sentir melhor, desafiou-me para uma semana de treinos e boa alimentação de forma a vermos na próxima segunda-feira, quem perdeu mais peso (percentagem de peso perdido).

 

Sendo assim, a partir da próxima semana terão todos os meus dias, desta semana, descritos neste blog... o que comi, quando comi, o exercício que fiz o princípio é básico, conhecer o nosso corpo e adaptarmos a nós próprios, mas de uma coisa garanto... SE RESULTA COMIGO, CONVOSCO TAMBÉM.

 

Para que fiquem a conhecer os pesos iniciais (pesamo-nos hoje de manhã):

 

RM (Eu) - 118,500kg

PM (amiga) - 63,700kg

 

A diferença de pesos é abismal, eu sei... o grande problema é que eu sei que ela consegue perder muito bem algum peso... o que me "obriga" a ter que trabalhar duro porque tenho que perder mais do que ela, para poder desta forma acompanhar a percentagem de peso perdido!

 

Acho um bom desafio em que o resultado final que conta é mesmo, ficar mais saudável, mas claro que não quero "perder" hehe :P

 

Boa semana a todos

RM

Autoria e outros dados (tags, etc)

por RM às 13:24

Domingo, 20.05.12

É por isto que vale a pena...

 autor desconhecido

 

 

Quando sabemos que alguém lê o que escrevemos e nos transmite esse feedback, faz valer a pena. Faz valer a pena escrever e ainda me motiva mais continuar no meu percurso.

Saber que existem pessoas que estão a passar pelo mesmo do que eu e até receber mensagens de apoio de pessoas que já lutaram e venceram, faz-me fazer acreditar que é possível!

 

Hoje vou colocar uma mensagem da Ana Filipa Batista, de 13 anos, que sabe o que é estar nesta luta e já venceu, está a um pequeno passo de conseguir alcançar o seu objectivo pessoal. Tenho toda a certeza de que esta batalha foi completamente vencida por parte da Ana e que, se aos 13 anos, ela conseguiu assumir o controlo da sua vida, jamais volta ao ponto que ela chegou, antes.

 

Parabéns Ana...

 

"Olá  Tenho 13 anos e chamo-me Ana. Sempre fui uma criança muito sedentária e pouco ligada ao exercício físico, as desculpas para não praticar e para não fazer dieta eram recorrentes. Em Dezembro de 2011, com apenas 1,55cm cheguei a pesar 68 kg, desde sempre fui considerada uma criança acima do peso e cheguei até a ser vista como obesa. A partir do dia 1 de Janeiro de 2012 tomei a decisão de mudar, por mim! Desde esse dia um de Janeiro até agora, Maio do mesmo ano, já perdi (de forma totalmente saudável) 16 kg, ganhei algum gosto por exercício físico e aprendi a ter uma alimentação saudável. Pela primeira vez desde que me conheço tenho um peso considerado "normal" e sinto-me muito melhor comigo própria. Agora os elogios são constantes e muita gente comenta que realmente estou muito diferente... e mais feliz! Tenho agora 52 kg e 1,56 cm. O meu objectivo é chegar aos 48 kg, faltam 4 kilos... não vou desistir e, apesar de ser muito nova vou mostrar que tenho fibra e sou realmente capaz de mudar e manter a mudança. Estou muito motivada! Doa o que doer, hei-de conseguir 
De certeza que com toda a sua determinação e vontade vai conseguir também! Força 
Ana"

Autoria e outros dados (tags, etc)

por RM às 10:54

Sexta-feira, 18.05.12

Celebrar cada pequena vitória

autor desconhecido

 

Para quem não me conhece, certamente, desconhecerá que esta minha aventura já teve outra parte anteriormente, onde perdi 30kg. Tive uma paragem por motivos pessoais, mas estou aqui de volta e vou provar a mim mesmo que eu consigo, uma vez mais, atingir este segundo patamar e vou perder mais 30 kg.

Ao longo desta jornada aprendi que devo celebrar qualquer pequena vitória e aprender a gostar do sabor destas comemorações!

Após quase 6 meses "parado" em que nem sempre pratiquei exercício de uma forma regular (exercício de forma regular para mim é fazê-lo, pelo menos 5 vezes por semana) voltar a praticá-lo é duro, é um recomeço.

Já falei acerca de superar-se, eu desafio-me a mim mesmo para conseguir lutar dia após dia! E dou por mim a festejar a cada dia, o que eu consegui nesse dia, porque foi mais um pouco do que no dia anterior, mas esse pouco é o suficiente para fazer a diferença.

Hoje dei por mim, no treino de cardio, em que basicamente fiz corrida e apercebi-me de que o trajecto feito, estava a ser feito de uma forma diferente, eu estava a aguentar mais a corrida, por mais tempo e maior distância e isto para mim é o verdadeiro prémio que me faz festejar, porque a cada dia, sinto-me mais forte, mais capaz e mais próximo do meu objectivo.

 

Peguem nos vossos ténis, e vão para a rua, quer tenham alguém ou não... eu vou só com o meu mp3, mas é a melhor companhia, coloco faixas que me motivam a exercitar ainda mais e sei que tenho que dar no duro, porque isto é a minha vida, é o meu futuro e chegam de desculpas, porque no dia em que algo de menos bom possa acontecer, como um AVC (por exemplo), qual será a desculpa? Que não fiz nada por mim? Nem pensar!

 

Façam isto por vocês e celebrem cada momento, por mais momentos dificeis que venham a encontrar, mudar não é fácil para ninguém. Pode parecer que é fácil, pelas minhas palavras, mas é difícil, é uma luta com o nosso corpo e a nossa mente, é uma luta por vezes com o tempo lá fora (esta semana treinei com temperaturas superiores a 30graus) mas nada pode servir de desculpa!

 

Assumam o vosso caminho e façam-no!

RM

Autoria e outros dados (tags, etc)

por RM às 09:00

Quinta-feira, 17.05.12

Não desistas

autor desconhecido

 

É tão típico, desistirmos quando aparecem os primeiros obstáculos. Durante anos desisti, foram inúmeras as tentativas para mudar, fracassadas porque, em vez de ultrapassar o obstáculo, limitava-me a contorná-lo. E ninguém pode ignorar um obstáculo por muito tempo,  no fundo eu criei o meu próprio problema.

O meu problema estava longe de ser apenas um problema de uns quilos a mais, tornou-se em dezenas de quilos. Não me lembro, há quantos anos a balança me mostra três dígitos, perdi a conta. Ignorei por completo esses valores, e aqui reside o meu maior erro. Eu tinha um problema, muito grave, e durante anos, fiz de conta que ele não existia. Achei que seria capaz de ultrapassar isto sozinho, em silêncio. Foi uma luta que apenas a obesidade ganhou.

Foi preciso um longo caminho para me mostrarem que afinal eu deixei de pensar em mim, bem como nunca fui capaz de assumir que precisava de ajuda. E é verdade, custa-me imenso ter que pedir ajuda. Eu sempre julguei que era capaz de ultrapassar tudo, fazendo-me mais forte do que na realidade sou.

Isto para dizer que, por mais vezes que alguém pense em desistir, não o faça por favor. Lembrem-se que neste momento, o processo que estão a passar têm um compromisso, convosco próprios, que há alguém que sofre mais ainda do que nós, certamente. Não se julguem menos capazes, porque a mente tem o controlo, e se achamos isso… provavelmente o que acontece é limitarmo-nos a fim de sermos mesmo, menos capazes.

 

E nestas alturas, gosto de ver um vídeo que me motivas imenso. Uma pessoa que aparentemente teria tudo na vida para ser infeliz, agarrou na sua vida e transformou-a. Transformando-se num dos grandes motivadores, porque se ele, que não tem braços nem pernas, consegue fazer um sem número de coisas, eu tenho a obrigação de me ultrapassar, sem ter dúvidas que consigo fazer. Espero que gostem.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por RM às 09:00

Pág. 1/2




Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Maio 2012

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031



Quantos me Escutam

HTML Hit Counter
stats counter


Arquivo

2012